Calouros de Administração promovem ações solidárias para o Lar Betânia e a AJIDEVI

Ser solidário com o próximo está no cerne cenecista, uma vez que a missão da FCJ é promover a formação integral com compromisso social. É exatamente isso o que os calouros vivenciam com o Projeto Integrador, cujo objetivo é proporcionar aos acadêmicos trabalhos práticos e produção científica de relevância à formação pessoal e profissional, promovendo a integração de conteúdos programáticos com a realidade social do município, em perspectiva interdisciplinar, através de uma ação social nos bairros de Joinville”.

Neste primeiro semestre, os calouros de Administração tiveram mais uma experiência incrível ao trabalhar com duas entidades assistenciais da cidade: o Lar Betânia e a Associação Joinvilense para Integração dos Deficientes Visuais – AJIDEVI. A escolha se deu da seguinte forma: a turma foi dividida em duas equipes e cada uma sorteou um bairro onde atuaria. Após o sorteio, cada equipe deveria procurar no bairro em questão uma instituição sem fins lucrativos que precisasse de apoio social.

A partir daí iniciou-se um levantamento das necessidades da instituição escolhida pela equipe, identificando as carências existentes, o perfil socioeconômico da comunidade e que impactam na instituição. Baseado da coleta de dados no local, os acadêmicos de Administração iniciam o planejamento da ação social e do trabalho formal, que será formado com dados e anexos, contendo os indicadores, as contextualizações e o planejamento da ação propriamente dita. Feito o projeto teórico, entra em ação a parte prática.

No Lar Betânia, ação ocorreu na tarde de 20 de maio e a equipe providenciou um café da tarde acompanhado de um bingo com brindes para os idosos. Além de estarem presentes para organizar e efetuar o café e o bingo, os acadêmicos interagiram com os idosos, ajudando-os durante o bingo, fazendo companhia e conversando.

Na AJIDEVI a ação ocorreu na semana seguinte, dia 27, e a equipe deu suporte durante o evento “Sábado da Família na Instituição”, providenciando uma contação especial de histórias para um grupo de crianças cegas. Nessa atividade, os acadêmicos se preocuparam em estimular os demais sentidos (e não somente a audição). Depois organizaram e serviram um lanche às crianças e também doaram brindes para serem oferecidos durante as brincadeiras do evento.

Na avaliação da professora Cristina Nogueira, que acompanhou os dois projetos, o objetivo foi 100% concluído, uma vez que “possibilitou aos acadêmicos a realização pessoal através da empatia, conhecimento sobre as condições reais das instituições que ajudaram, bem como o perfil da comunidade onde estavam inseridos. Puderam efetivar um planejamento formal, utilizando as ferramentas e o plano de ação trabalhado em sala de aula, bem como identificar os indicadores sócio econômicos nos bairros trabalhados”.

Parabéns aos calouros de Administração pelas belas iniciativas!

Lar Betania_01    Lar Betania_05

 

Lar Betania_03    Lar Betania_04

 

Ajidev_01    Ajidev_06

 

Ajidev_02    Ajidev_03